“Precisamos de preparar as pessoas para as responsabilidades cívicas”

Twenty Thirty | Foi com honra que recebi o convite da Twenty Thirty  para uma entrevista, enquanto membro da BMW Foundation Responsible Leaders Network, sobre questões pertinentes como a digitalização da sociedade, o futuro da educação e do trabalho, a cidadania activa, a renda universal e uma visão renovada para a Europa.

A digitalização está e irá continuar a transformar a maneira como trabalhamos e vivemos, prevê-se, por isso, grandes oportunidades para transformar as sociedades europeias e criar um mercado digital comum em benefício de todos.

Atualmente, não estamos a preparar as pessoas para as responsabilidades cívicas, nem para o pensamento e trabalho “transsetorial”. Nos  primeiros anos de escolaridade deve-se, sim, ensinar as principais disciplinas e, o mais tardar, no ensino médio os alunos devem ser capacitados para lidar com o mundo digital, desenvolvendo a sua criatividade e capacidade de trabalhar em equipa. Além disso, é também fundamental que se perceba que a educação não é algo que acaba numa idade precoce.

Ler entrevista completa