PSD chama Diretora Geral de Saúde ao Parlamento

PSD chama Diretora Geral de Saúde ao Parlamento

A taxa de mortalidade infantil aumentou entre 2017 e 2018. Em 2018, houve mais 60 crianças a morrer no primeiro ano de vida, em Portugal. A Diretora Geral de Saúde afirma que estes dados não devem ser comparados porque 2017 foi um ano com mortalidade infantil “anormalmente baixa”.

Este aumento levou o Partido Social Democrata a apresentar um requerimento, assinado por mim e pelo deputado Adão Silva, para que a Graça Freitas seja ouvida com urgência na Comissão de Saúde para esclarecer o Parlamento e o País.

A taxa de mortalidade infantil, juntamente com as taxas de analfabetismo e da esperança de vida, se compreendem entre os indicadores que melhor evidenciam o estado de desenvolvimento de um país, por isso, é urgente um esclarecimento.

Saber mais

Emprego Saudável em Cascais

Emprego Saudável em Cascais

Uma das minhas últimas intervenções como Vereador na Câmara Municipal de Cascais teve como objetivo promover as ações de formação no âmbito da saúde mental dos desempregados do concelho. Neste sentido, o município de Cascais, e a Direção-Geral da Saúde (DGS) assinaram o Protocolo ‘Emprego Saudável’.

Cascais é o primeiro município a estabelecer um protocolo do género, que se insere na estratégia global de saúde e de promoção de emprego da Câmara Municipal de Cascais. No protocolo estabelece-se então uma parceria entre a DGS, a Faculdade de Medicina de Lisboa e o Munícipio, que pretende capacitar pessoas desempregadas e identificadas para lidar com questões de saúde mental, de modo a que as pessoas possam ter vidas vidas plenas e saudáveis e com emprego.

Também num dos seus últimos atos oficiais, destaco as palavras do Diretor-Geral da Saúde, Dr. Francisco George, “Cascais está na linha da frente porque respeita as preocupações da Saúde, em particular da Saúde Mental”.